O Gathering2018-02-01T10:12:48+00:00

Nos dias  26, 27 e 28 de julho de 2018, o Rio de Janeiro receberá a quinta edição do Scrum Gathering©.

Os Scrum Gatherings são eventos que contam com o suporte da Scrum Alliance e acontecem em várias partes do mundo. O Gathering será realizado no Hotel Hilton Rio De Janeiro Copacabana (antigo Windsor Atlântica), na beira da praia de Copacabana, um dos cartões postais mais conhecidos do Rio de Janeiro.

Participar de um Scrum Gathering é ter a oportunidade de trocar experiências, praticar os conceitos aprendidos, discutir desafios e fazer networking ao longo de três dias de palestras e workshops. Na quinta edição carioca estamos esperando um público de 600 pessoas de todo o Brasil e América do Sul, além da presença de palestrantes internacionais.

Nas edições anteriores o clima foi espetacular e a troca de experiências entre os participantes foi o ponto alto do evento – com destaque para o Open Space que sempre acontece aos sábados.

Serão 44 palestras e 6 workshops divididos em 6 trilhas, além de 3 keynotes (um por dia) e Open Spaces no sábado.

Tipos de Sessão

Teremos dois tipos de sessão, organizadas em seis trilhas diferentes. Todas as palestras do evento terão a duração de 50 minutos. Já os workshops têm a duração de 90 minutos.

Palestra: são apresentações mais tradicionais, com os participantes sentados em formato de sala de aula. Aqui cabem cases, ideias, experiências, novas descobertas etc.

Workshop: sessões dinâmicas, conhecidas como “mão na massa”, onde o participante efetivamente pratica os conhecimentos adquiridos por meio de dinâmicas, exercícios e discussões em mesas redondas (capacidade para até 70 pessoas, divididas em 10 mesas). Nessas sessões, todo mundo participa 😉

Trilhas do Gathering

Trilha 1 – Coaching and Facilitation: O ScrumMaster é um facilitador. Fato! Técnicas de facilitação são fundamentais na resolução de conflitos e na busca por eficiência. Essa track é dedicada à discussão de técnicas e abordagens que ajudem Coaches e ScrumMasters no seu dia a dia.

Trilha 2 – Tools of the Trade: Essa é uma track dedicada as discussões técnicas do seu time. Seu time é Ágil, mas ele está realmente construindo o Software com qualidade e da melhor forma? Somos de TI mas será que estamos utilizando as ferramentas a nosso favor ou continuamos fazendo muita coisa de forma manual? Exemplos: O que estamos testando de forma automatizada? Como nos prepararmos para fazer releases de nosso software cada vez mais frequentes (ou até a cada modificação no código-fonte)?

Trilha 3 – Product Management: Nada é mais ineficiente do que construir um produto que ninguém quer usar. Lean Startup quebrou alguns paradigmas no passado recente, mas e agora? Qual caminho seguir? Essa track discute o futuro da Gestão Ágil de Produtos, desde a definição do que fazer, passando pela estratégia de produto até o uso de métricas para entender mais sobre os usuários e o próprio produto.

Trilha 4 – Scaling Agile: Ambientes organizacionais complexos frequentemente envolvem muitos produtos e muitos times. Surgem então os desafios de escalar a Agilidade. Quais são as melhores formas? Quais são os cases de sucesso que trazem insights para sua organização seguir a mesma linha? Existe uma fórmula mágica para escalar?

Trilha 5 – Agile outside IT: Agile fora de TI já é realidade. Diferentes mercados e segmentos se beneficiam dos princípios e valores da Agilidade. Essa trilha discute caminhos e ideias para levar o Agile a profissionais criativos de todos os tipos.

Trilha 6: Trends Quais são os próximos passos? Quais são as tendências no mundo da Agilidade? Essa track discute o futuro que está sendo construído desde hoje, em aspectos como mindset, gestão 3.0, times, processos e produtos.

Coaches Clinic

Coaching disponível a todo tempo!

Durante todo o evento, teremos vários coaches qualificados e disponíveis para uma sessão com você.

Se você sente que está precisando de uma ajuda em questões com seu time e sua empresa, o Coaches Clinic é uma ótima oportunidade para receber coaching de profissionais voluntários.

Open Spaces

Os open spaces são riquíssimos! Temos tantas experiências a ser trocadas, tantas duvidas a trabalhar… e o open space nos dá esse espaço maravilhoso para trocas livres. Bom demais!

C. Pitzer

Os open spaces são uma excelente oportunidade para discutir assuntos que o evento não detalhou o suficiente ou que nem foram abordados ao longo do evento. Pra alguns open spaces, trinta minutos foram pouco tempo.

E. Silva

A dinâmica foi muito boa e deu pra conversar com bastante gente com quem eu não tinha tido contato antes. O ritmo foi tão intenso que a tarde passou num piscar de olhos.

J. Dias

Como sempre os open spaces nos dão liberdade de discutir assuntos que são do nosso interesse e compartilhar conhecimentos.

A. Cavalcante

Traga temas para debater com a comunidade!

O Scrum Gathering Rio é feito de palestras e workshops. Sim, é verdade, mas não é só isso: existe o surpreendente Open Space no sábado, último dia de evento, após a apresentação do Keynote do dia. Acreditem: este é um dos momentos mais descontraídos do evento. Isso porque o Open Space é uma excelente maneira de envolver ativamente os participantes. Usada em diversos eventos pelo mundo, esse formato é altamente colaborativo

Você pode trazer qualquer tema e participar de debates com a comunidade.

Open Space na prática

  • O interessado em participar do Open Space escreve em um post-it o tema que deseja abordar;
  • Ele ‘sobe ao palco’ – e faz um pitch, isto é, uma apresentação sumária sobre o assunto;
  • O tema será encaixado em um slot, como na imagem abaixo, em uma determinada sala;
  • Os voluntários do evento trabalham como facilitadores a fim de evitar que debates similares sejam feitos ao mesmo tempo, dividindo a atenção dos participantes;
  • O debate tem 25 minutos de duração, com direito a mais 5 minutos para o fechamento do assunto e arrumação da sala.
  • Se você é mais introvertido, não se preocupe: basta sentar e assistir aos debates! Os temas são super interessantes e promovem a interação entre as mais diferentes áreas de atuação.

Princípios de um Open Space

  • As pessoas que participarem são as pessoas certas;
  • O que acontecer é o que deveria ter acontecido;
  • A hora em que começar é a hora certa;
  • Quando acabar, acabou.

Regra de um Open Space

  • Se não quiser ficar onde está, use seus dois pés e vá para onde achar mais produtivo. 🙂

Painel de Oportunidades

Faça networking com a comunidade ágil!

Durante o Gathering teremos o nosso tradicional painel de oportunidades, onde as empresas participantes anunciam diversas vagas de emprego.

Além disso, temos também uma área de divulgação de perfil, para você que busca novas oportunidades na sua carreira.

Será que esse é o momento que você estava esperando